Entregaram o Novo Hospital Metropolitano em Mato Grosso

Entregaram o Novo Hospital Metropolitano em Mato Grosso

O Governo de Mato Grosso vem promovendo uma série de melhorias na rede de saúde do Estado. O objetivo é oferecer uma rede hospitalar com excelente estrutura para atender os usuários que dependem do Sistema Público de Saúde (SUS).

Na última quinta-feira (14.05), o governador Mauro Mendes, o secretário de estadual de Saúde Gilberto Figueiredo e demais autoridades entregaram o novo Hospital Metropolitano, que fica na cidade de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, escolhido para ser a unidade referência para o tratamento de pacientes diagnosticados com a covid-19.

A obra mais rápida da saúde, finalizada em apenas 45 dias de trabalho, resultou na recuperação da estrutura existente e a construção de 210 novos leitos. Agora, o hospital é uma das unidades com maior capacidade de atendimento do Estado.

Para realizar essas melhorias, foram investidos R$ 16,5 milhões para reformar e ampliar os antigos setores em uma moderna unidade de saúde, com estrutura agradável para pacientes e profissionais que irão trabalhar no local.

Quem passar em frente a unidade, já percebe as mudanças, pois a fachada principal, junto com as outras demais portas de acesso ganharam um novo logo de identificação do hospital.  

A recepção da unidade ficou ampla e moderna. A sala de atendimento foi estruturada, recebeu pintura com cores de tons leves e um conjunto de luzes que proporcionou uma boa iluminação interna. As cadeiras foram substituídas por modelos com encosto acolchoado, proporcionado conforto. O local é refrigerado, ganhou jarros de plantas decorativas e quadros com mensagens motivacionais para estimular todos aqueles que estão em processo de tratamento.

Os pisos dos corredores foram trocados e as paredes da unidade receberam protetores de parede, tecnicamente chamados de “bate-macas“, todos de plástico, conforme determinam as normas técnicas. As portas receberam placas para os pacientes e profissionais possam identificá-las. As paredes também receberam os quadros com mensagens e imagens
motivacionais.

Prontos para receber pacientes, os 210 novo leitos, estão equipados com aparelhos de ponta. A tecnologia faz parte da nova estrutura que possui camas elétricas, um modelo eficiente para proporcionar conforto e segurança na mobilização do paciente internado. Os quartos são amplos, possuem armários e são climatizado.

Além disso, os leitos estão aparelhados com equipamentos de monitoramento cardíaco e respiradores. Esses equipamentos proporcionam condições ideais para que os profissionais da saúde possam realizar o seu trabalho durante o tratamento de todos os pacientes que forem encaminhados para o Hospital Metropolitano.

A unidade hospitalar conta 238 leitos clínico e 40 Unidades de Terapia Intensiva (UTI) disponíveis para o tratamento de pacientes. Destes, 210 são totalmente novos, pois houve a ampliação de 180 leitos clínicos e 30 de UTI.

Após o encerramento do atual cenário de pandemia da covid-19, toda estrutura construída ficará em definitivo para o tratamento dos pacientes que dependem do Sistema Único de Saúde (SUS) no atendimento de especialidades contempladas antes da pandemia por coronavírus.

Serviço

Durante o período de pandemia da Covid-19, o Hospital Metropolitano atuará como unidade de referência para o tratamento de pacientes diagnosticados com a doença e que precisem de atendimento. A unidade está localizada na rua Dom Orlando Chaves, S/N – Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande.

Fonte: Imprensa Mato Grosso.

Comentar com facebook aqui
Previous post Novo Protocolo de Atendimento Atenção Básica de Saúde em Sapezal
Next post Mais de 1,6 mil Profissionais da Área de Saúde do Brasil Tiveram Formatura Antecipada