Confira como Motorista que causou Atropelamento em Rodovia Federal se Apresentou à Polícia Civil de Comodoro

Portal Quem Vê

O acidente de trânsito ocorreu na madrugada do dia 22 de janeiro

O motorista

O motorista responsável por um atropelamento com vítima fatal ocorrido na região de Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá) foi identificado após notícia divulgada pelos veículos de comunicação.

O acidente

O acidente de trânsito ocorreu na madrugada do dia 22 de janeiro, na BR-174, zona rural de Comodoro, quando a vítima foi localizada sem vida.

Da Vítima

Apresentado visíveis sinais de atropelamento, o corpo foi encontrado no período da manhã às margens da rodovia. No local também foram localizados pedaços de um veículo, que supostamente teria envolvimento com o fato.

Das diligências

Várias diligências foram realizadas pela Delegacia de Comodoro para apurar o acidente e identificar o condutor do veículo, com buscas por testemunhas, câmeras de segurança na região e contato com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). O atropelamento foi amplamente divulgado pela imprensa em Mato Grosso e Rondônia.

Da apresentação à Justiça 

Alguns dias após a repercussão da notícia, o motorista de um caminhão, morador de Vilhena (RO), ao tomar conhecimento dos fatos se apresentou espontaneamente à Justiça da Comarca de Comodoro, acompanhado de um advogado. 

Você sabia?  Sine Confresa: vagas da semana: 27/07

A defesa

Ao ser ouvido, ele afirmou não saber que havia atropelado uma pessoa. Em razão do acidente ter ocorrido durante a madrugada e estar escuro, ele pensou que tinha batido em alguma outra coisa, porém, não imaginou que seria uma pessoa.

Do Resultado

De acordo com o delegado de Comodoro, Ricardo Marques Sarto, diante da circunstância, o motorista do veículo responderá em liberdade pelo crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor. O inquérito instaurado será concluído nos próximos dias com autoria definida e em seguida encaminhado ao Poder Judiciário.

“Vale destacar a importância da mídia realizada com qualidade e imparcialidade, que nesse caso contribuiu para o esclarecimento de mais um caso investigado pela Polícia Civil”, destacou o delegado.

Next Post

Assistência Social de Campo Novo Abre as Inscrições para os Cursos de Artesanato

Assistência Social Fone (65) 3382-1952